24.10 2014

Concurso Miss Black Power Brasil!

lifestyle
 

 Oi pessoal! 

Tô de volta pra falar sobre um evento muito bacana: o Concurso Miss Black Power Brasil!

Fiquei tão, mas tão feliz quando soube desse concurso, que eu como negra do cabelo crespo e defensora da valorização da beleza negra, não poderia deixar esse tema passar batido.

O Miss Black Power Brasil (o concurso é lindo até no nome) é o PRIMEIRO concurso que premia mulheres negras que assumem seus cabelos crespos ao natural. Imaginem o peso que o concurso traz na valorização da cultura negra! Quando eu li a matéria sobre o concurso, só me veio um sentimento:
ORGULHO, muito orgulho por agora existir uma premiação dessa natureza,
exaltando uma beleza tão exótica e tipicamente brasileira.
Essa é a Olívia Moreira, uma das finalistas do concurso!
O objetivo do concurso não é apenas promover uma competição, mas sim exaltar a diversidade da beleza negra e dos seus cabelos, assim como estimular a quebra dos padrões determinados pela sociedade. O evento será uma grande oportunidade de reforçar a ideia de que o cabelo crespo não é um modismo e sim uma marca de identidade.
Essa é a Pâmela Nascimento, de Irecê, Bahia! Também está na final! Super merecido, né?!
Infelizmente, as
inscrições se encerraram no dia 30 de setembro.
Das inscritas, 15 foram
selecionadas para a final do Miss Black Power Brasil, que acontecerá no
dia 09 de novembro, às 17h00, no Centro do
Teatro Oprimido, localizado aqui no Rio de Janeiro
. A banca julgadora
será composta por membros representativos da sociedade, empresários(as)
negros(as), intelectuais e artistas, que irão eleger três candidatas, em
primeiro, segundo e terceiro lugar. O mandato da escolhida será de um
ano, terminando no ato em que a 1ª Miss irá transferir o título para a
próxima sucessora eleita.

E esses olhos lindos? Essa é a Elaine Serafim, também finalista! 
A ideia do concurso surgiu através da rotina do Spa Magia Azeviche, localizado em Salvador, onde diariamente são realizados tratamentos capilares e corporais em mulheres e homens negros que buscam valorizar sua beleza por meio de procedimentos naturais.
Adeline Helena, do Rio de Janeiro! Mais uma finalista do Miss Black Power!
Sobre as regras de participação, o único requisito exigido foi que os cabelos das participantes estivessem dentro da estética do Black Power, que como sabemos é o cabelo crespo ouriçado para o alto, com aquele volume que só o nosso cabelo crespo tem! Detalhe: Os cabelos devem ser naturais, sem implantes ou alongamentos. Outra informação importante, é que o concurso não busca um único padrão de beleza. Portanto, foram aceitas mulheres de todas as estaturas, pesos e tipos de corpo. Não é o máximo?! Ahhhhhh, se eu tivesse com meu black…!!!

Esse concurso me fez parar para pensar na quantidade de meninas lindas que eu conheci através de grupos do Facebook, depois que entrei na transição capilar, que assumiram seus cabelos, lindos do jeito que são! Pessoas normais, mas com uma beleza digna de capa de revista. E olhem que não são poucas não, viu?! E já que o assunto de hoje é black power, resolvi que elas não poderiam ficar fora desse post. Vamos conferir?

“Meu cabelo crespo, minha identidade, minha raiz!” – 
 Lore Di

“Um belo dia resolvi mudar, e fazer tudo que eu queria fazer…” – 
Gabrielle Serafim

“A melhor parte de mim…Minha identidade…Não está à venda não, nos seus padrões faço questão de não entrar” –  
Amanda Bomfim

“Elefante na loja de porcelana”-
 Laryssa Miranda

“Liberdade de sorrir, viver expressando seu estilo” – 
 Erica Evaristo
“Assumir as raízes é revelar-se naturalmente. Beleza é o natural” – 
 Stefanie Durval

“Assumir
o meu black tem um significado importantíssimo pra mim, pois não se
trata de um adereço: ele carrega a identidade dos meus ancestrais, diz
muito sobre o que eu sou e de onde vim” –
 Nathaly Bispo

“Menos tempo no salão, mais tempo pra minha vida…Sou livre” –
 Daiane Ribeiro

“Meu preto me incentiva muito, tem muito orgulho de mim”-
 Vanessa Magalhães

Debora Coelho

Sariana de Souza

Ana Costa

Cíntia Oliveira


Ufa! É muita beleza pra um post só! Cada uma com sua beleza particular, serve até de inspiração para quem está querendo assumir seu cabelo natural. Portanto, se você tem cabelo crespo e tem medo de assumir, inspire-se nesses exemplos e liberte-se dos padrões que insistem em classificar seu cabelo como ruim e duro. Seu cabelo é bom! Aliás, todos os cabelos são bons! 

E aí, o que acharam do Concurso Miss Black Power Brasil? Conhecem alguém que poderia ser candidata a Miss? Me contem nos comentários!

Comente usando o Facebook

3 comentários

  1. Fico muito feliz de ver um concurso como esse acontecendo. A valorização da beleza negra é muito importante, pois sabemos que o preconceito em relação a cor da nossa pele e principalmente em relação ao nosso tipo de cabelo ainda faz parte do nosso dia a dia.

Deixe o seu comentário!



Break Feminino © Todos os direitos reservados
2010 - 2016